Assessoria parlamentar Deputado Rodrigo Valadares

No último domingo, 01, a Frente Parlamentar Evangélica do Congresso Nacional emitiu uma nota pública de apoio ao deputado federal Rodrigo Valadares (União-SE), em meio a uma controvérsia que envolve alegações de comportamento transfóbico e fascista por parte de uma deputada estadual do PSOL.

Na nota, a FPE reafirmou seu respaldo ao deputado, destacando seu compromisso com os princípios cristãos e democráticos. Além disso, enfatizou a importância de manter o foco em questões relevantes e fomentar debates construtivos e respeitosos.

Linda Brasil – Foto de assessoria|Rodrigo Valadares – Foto de Jadilson Simões, Alese

A coragem de Rodrigo Valadares se tornou evidente quando ele denunciou casos de doutrinação ideológica em uma escola da capital sergipana. Sua denúncia foi motivada pelo desejo de preservar a neutralidade ideológica nas instituições educacionais, sem a intenção de promover preconceito. Em vez disso, seu objetivo era garantir um ambiente de aprendizado imparcial.

No centro da polêmica está a acusação da deputada Linda Brasil de que Valadares teria agido de forma transfóbica. Linda afirmou que medidas legais deveriam ser tomadas contra ele, e o deputado respondeu com firmeza, reiterando seu compromisso em proteger as crianças da suposta doutrinação LGBT nas escolas.

CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A nota emitida pela Frente Parlamentar Evangélica enfatiza a importância da proteção da família e das crianças, reafirmando seu compromisso com o Brasil e com a defesa dos valores cristãos dentro e fora dos ambientes de ensino.

Confira a nota completa:

NOTA PÚBLICA DE APOIO AO DEPUTADO FEDERAL RODRIGO VALADARES- UNIÃO/SE

“A Frente Parlamentar Evangélica, vem por meio desta, expressar nosso total apoio ao Deputado Federal Rodrigo Valadares (UNIÃO-SE) diante dos ataques infundados e desrespeitosos proferidos pela Deputada Estadual Linda Brasil do PSOL.

É lamentável que a difamação e a retórica inflamada estejam sendo utilizadas como armas políticas, desviando a atenção de questões importantes que merecem debate construtivo e respeitoso. O Deputado Rodrigo Valadares tem desempenhado seu papel de legislador de forma dedicada e comprometida com os princípios cristãos e democráticos.

O Deputado tem sido alvo de acusações de ser fascista e homofóbico por ter corajosamente denunciado casos de doutrinação ideológica em uma escola, que incluía temas sensíveis como questões de gênero e orientação sexual. É importante ressaltar que a denúncia do Deputado não tem qualquer intenção de discriminar ou promover preconceito, mas sim de assegurar que o ambiente educacional seja livre de doutrinação.

Reafirmamos nosso compromisso com o Brasil e com a luta incansável pela proteção da família e, em especial, nossas crianças.”

Brasília-DF, 01 de outubro de 2023.


Texto publicado pela assessoria do parlamentar