7up7down

A 38ª edição do Festival de Arte de São Cristovão (FASC), um dos principais eventos culturais do estado, está prestes a iniciar, porém, enfrenta desafios financeiros sem o respaldo do governo.

Fernando Correia|Prefeitura de São Cristóvão

O município, liderado pelo prefeito Marcos Santana (MDB) – que não faz parte do grupo político do governador – não conta com o suporte estatal, ao contrário do recente Pré-Caju, evento privado que recebeu patrocínio de R$280 mil do Banco do Estado de Sergipe (Banese) e apoio logístico do governo estadual.

O FASC, apesar de sua relevância cultural, não desfruta do mesmo respaldo, ficando fora do radar de patrocínio estatal e levantando questionamentos sobre o apoio à cultura local.

Compartilhe sua opinião na seção de comentários abaixo e vem com a gente em nossas redes sociais: Twitter,Facebook,YouTubeenosso canal no WhatsApp!