7up7down

Ednaldo Rodrigues, presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), foi deposto de seu cargo após a Justiça do Rio de Janeiro considerar inválida a eleição que o colocou no poder. A decisão partiu dos desembargadores da 21ª Câmara de Direito Privado, que determinaram a retirada imediata do mandatário. A informação foi divulgada pelo blog Panorama Esportivo, de O Globo.

Presidente Ednaldo Rodrigues – 14.02.2023 – Foto: Rafael Ribeiro ⏐ CBF

O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), José Perdiz, foi designado como interventor por um período de 30 dias, até a realização de um novo pleito. Vale ressaltar que Ednaldo assumiu a presidência em 2018, após a anulação da eleição de Rogério Caboclo pela Justiça.

A CBF tem a opção de recorrer da decisão no Superior Tribunal de Justiça (STJ). Segundo o Panorama Esportivo, a instituição alega ser vítima de um golpe orquestrado por Marco Polo Del Nero e Ricardo Teixeira.

Leia a reportagem completa aqui (para assinantes).